Páginas

sábado, 27 de novembro de 2010

Passeio ao Museu da PUC em Pelotas












Feira de Ciências na Escola Dunas - 2010

              Aconteceu neste sábado, 27/11/2010, a Feira de Ciências na Escola Dunas.
              Foram apresentados trabalhos maravilhosos de todas as turmas. A equipe diretiva, os professores e , principalmente, todos alunos que participaram estão de Parabéns!
             Também não podemos deixar de agradecer aos pais presentes, pelo incentivo dado à seus filhos e à escola.
             Paralelamente, aconteceu o Brechó da 4ª série. Um sucesso!!!
            Abaixo estão postadas algumas das muitas fotos disponíveis no meu orkut (para copiar).

Feira de Ciências na Escola Dunas - 2010




















Professora Leila e sua turminha na Feira de CIências 2010

Posted by Picasa

segunda-feira, 15 de novembro de 2010

Banda da Escola Dunas apresenta-se na 38ª Feira do Livro

 

Encontro de bandas movimenta a tarde deste sábado


Por: Gabriela Venzke






A tarde deste sábado (14) foi movimentada na 37ª Feira do Livro. Promovido pela 5ª Coordenadoria Regional de Educação (CRE) o encontro de bandas ocorreu das 14h30min às 17h e atraiu as pessoas que estavam passando pelo local. Foram ao todo cinco escolas a se apresentar ao redor do chafariz Fonte das Nereidas.

O Instituto Estadual Assis Brasil foi o primeiro a desfilar. Com 20 integrantes entre nove e 16 anos, a banda retornou em março de 2009 após 20 anos fora de atividade. A professora aposentada Rosângela Przybylski e a vice-diretora Luciana Barroso Panatieri são as responsáveis pelos ensaios e organização. 

Logo após, foi a vez das escolas estaduais da cidade de São Lourenço do Sul: Vicenti di Tolla e Monsenhor Gautsch. A primeira, de vestimenta verde, tem 59 integrantes entre seis e 16 anos. Tem como instrutor Alexandre Brechado, coreógrafa Martha Ferreira e diretora responsável Ediane Silveira. A segunda escola possui 55 integrantes, entre eles os mascotes que apenas acompanham a banda, já que não tem idade suficiente para tocar algum instrumento.

A Escola Municipal de Ensino Fundamental Núcleo Habitacional Dunas foi a quarta a tocar. A banda tem 87 integrantes e apenas dois anos e meio de existência. É organizada por três professores, entre eles Fabiane Reis. "É um projeto pedagógico. Nós usamos ele para trabalhar os valores e o respeito. Queremos mostrar que as crianças do Dunas têm as mesmas dificuldades e facilidades de aprendizado que as outras", disse.

Vestindo as cores da escola, azul e branco, a Escola Municipal Almirante Raphael Brusque foi a última. Esta é a primeira vez este ano que a banda se apresenta, por causa do tempo em que ficaram sem aulas devido à gripe A. A professora Carmen Carvalho é a responsável e Marcelo Vaz o instrutor.

SME homenageia alunos da Olimpíada de Língua Portuguesa

SME homenageia alunos da Olimpíada de Língua Portuguesa
         Amanhã (13), às 16h, no palco da praça Coronel Pedro Osório, a Secretaria Municipal de Educação (SME) irá homenagear os alunos vencedores das etapas escolar e municipal da Olimpíada de Língua Portuguesa. Alunos de 24 escolas municipais e seis estaduais receberão medalhas, com o propósito de valorizar seus trabalhos e de seus professores durante a Olimpíada.
         Serão homenageados alunos das seguintes escolas municipais: EMEF Dr. Joaquim Assumpção, EMEF Dona Mariana Eufrásia, EMEF Luiz Augusto Assumpção, EMEF Profª Daura Pinto, EMEF Wilson Muller, EMEF Nossa Senhora de Lourdes, EMEF João José de Abreu, EMEF Saldanha da Gama, EMEF Osvaldo Cruz, EMEF Frederico Ozanan, EMEF Deogar Soares, EMEF Antonio Ronna, EMEF Alberto Rosa, EMEF Santa Irene, EMEF Carlos Laquintinie, EMEF João da Silva Silveira, EMEF Joaquim Nabuco, EMEF Nestor Elizeu Crochemore, EMEF Garibaldi, EMEF Campos Barreto, EMEF Olavo Bilac, EMEF Cecília Meireles, EMEF Núcleo Habitacional Dunas, EMEF Santa Terezinha. E escolas estaduais: Coronel Pedro Osório, Padre Anchieta, Raquel Mello, José Brusque Filho, Santo Antônio, Francisco Simões.


Data: 12/11/2010
Hora: 17:56
Redator: Berenice Costa - 11.381
Fotógrafo: Divulgação -

Josefer – 15A

Josefer Maia da Rosa, sendo homenageado em evento na Escola.

Este é o poema classificado em primeiro lugar, na Escola Dunas, entre todos os que participaram da Olimpíada de Português "Escrevendo o Futuro". Seu autor, o aluno, Josefer Maia da Rosa, foi homenageado juntamente com os demais classificados. Também foi homenageado pela Secretaria Municipal da Educação, no dia 13 de novembro, na Feira do Livro.


Meu bairro

Eu olho pro meu bairro e vejo
Muita pobreza e desejo
Ver um dia melhorar,
Porque num dia tem pão,
No outro tem nada não.
As ruas têm muitos buracos,
A maioria das casas são
Uns humildes barracos.
O nosso futuro é ir pra escola,
Pra aprender a ler e escrever,
Para quando crescer
Saber o que é viver.
Eu queria um dia
deixar o meu bairro bom,
Cheio de flores no tom,
Ruas lindas e casas também,
E quando eu for maior
eu quero poder tentar
Fazer um bairro melhor.


                                Josefer – 15A

Rafael Nunes – 15 E


                      Meu bairro

Onde eu moro não é muito ruim,
onde eu vivo não é tão bom assim,
mas onde eu morava era muito pior.
Agora onde eu vivo
está muito bom pra mim.
Minha mãe sempre me ajudou
a ser um menino educado,
e meu pai sempre fica do meu lado
para eu não fazer algo errado.

                                            Rafael Nunes – 15 E

Daison-15 E

 
                     Meu poema

Onde moro é muito legal
Onde vivo é bom demais
Passei a noite no Laranjal
Passeando com meus pais
Toda hora tomando água mineral
No serviço minha mãe manda brasa
O patrão dela não é bom nem ruim
Às vezes, lá da loja,
Ela traz presente pra mim
Esses dias, lá em casa,
Meu irmão ganhou um CD com cantigas
Tenho muitos amigos e amigas
Meus amigos são brincalhões
São humildes e não ladrões
                                     Daison-15 E

Elena – 15E


Minha vida

Minha vida, meu lugar
Eu amo minha vida
Eu gosto de lutar
E conseguir viver neste lugar
Mesmo que ele não seja
O melhor para morar
Mas aqui sei que tenho
Amigos para contar
Amigos que gostam de mim
Muito, muito, sim!
Aqui moro agora
Mas sei que se for embora
Muitas lembranças
Vou deixar para trás.
Minha rua, minha vida
Meu lugar é aqui!
                                      Elena – 15E

Andressa Peixoto – 15E


Minha vida, minha casa

Minha vida é simples.
Minha casa é nobre.
Eu tenho uma casa pequena.
Eu tenho uma vida serena.
Quando amo, me apresento
Quando sonho, me desconcerto
Por isso que para mim
Minha vida é assim,
Um livro aberto.

                      Andressa Peixoto – 15E

Maicon – 15 E


A minha vida

Na minha casa
mora eu e minha mãe
do coração.
De manhã vou à escola
E depois faço a lição
Mas também gosto muito
De olhar televisão.
Na rua onde eu moro
Fazemos muitas brincadeiras
Jogamos tampinhas,
Pulamos amarelinha
E brincamos de esconder.
Contamos piadas
Damos risadas
E ficamos felizes
Assim que tem que ser
Para não entristecer.
                                 Maicon – 15 E

Victor Marcelo – 15E


                Poema

Eu moro numa rua
Onde tem muitas árvores,
Eu moro numa casa
Linda e cheirosa
O meu bairro é mais ou menos bom
Porque precisa arrumar as ruas
E fechar as valetas.
Se isso tudo fosse arrumado
O Dunas ia ser bem mais bonito.
A polícia tem que ajudar
Combatendo os traficantes
Para que o nosso bairro
Seja um pouco mais calmo.
Eu quero que o meu bairro melhore
E isto um dia vai acontecer
Se Deus quiser...
                        Victor Marcelo – 15E

Gislaine -15 E


Minha casa

Adoro minha casa e minha família
Minha família e minha casa
São tudo para mim.
Adoro meu bairro
É muito bom morar aqui.
Mas eu gostaria de mudar muitas coisas
Como os roubos e o tráfico
Que trazem a violência
E muita gente boa
Acaba perdendo a vida.
Como eu queria poder fazer algo
Para acabar com isso.
                                  Gislaine -15 E

Rudi – 15E


                  Meu bairro

Eu moro no Dunas
E não acho muito legal
Porque tem gente trabalhando
Mas também tem marginal.

Se eu fosse o prefeito
Mandaria arrumar
O Dunas que esta muito sujo,
E precisando reformar.

Agora estão colocando asfalto
Por causa da eleição
Mas quando terminar isso
Vira um chiqueirão.
                                           




















                    Rudi – 15E

Juliana – 15E

                    O bairro onde moro

As noites são lindas
para caminhar ao luar.
As ruas com pouca luz
ficam muito românticas
para as pessoas que gostam
de ficar juntas a namorar.
Linda lua que nos ilumina e
nos mostra como a vida é bela.
Lua que inspira muitos artistas
que olham para ela e
desenham coisas lindas
outros fazem poemas fascinantes.
É lindo ver o sol se pondo,
hipnotiza-me
e não consigo tirar minha atenção dele.
Porque logo ele nasce e traz
a esperança de um dia melhor
do que foi o de ontem
e acorda os passarinhos
para que alegrem o nosso dia
que esta por começar.

                                  Juliana – 15E

Crisnaira – 15 E


         Meu mundo

Um sonho de menina
Em uma casa eu encontrei
Era azul como o céu
E tão lindo como o mar.
Onde está esta casinha?
Pois agora lhe direi
É no bairro onde moro
E pra sempre morarei.
No Dunas é só amizade
Podem ver o que eu já sei
No coração dos moradores
Tem muito amor
Muita gente tem medo,
Porque eu não sei...
Pode ser uma favela
Mas aqui eu sonhei
Na rua é só beleza
Nas casas e na vida de todos.
Eu mando um recado
Que o Dunas é lindo
E o sonho de viver
aqui eu encontrei.
                                        Crisnaira – 15 E

Gabriela – 15D


Minha vida, meu bairro

A história da minha vida
agora vou falar,
nasci e vivo aqui nesse lugar.
Era um certo dia
quando tudo começou,
eu fui para a escola
e todo mundo me olhou.
Perguntaram o meu nome
e eu disse Gabriela
fizeram uma rima
com cravo e canela.
Quando chego em casa
Minha mãe esta no sofá
olhando uma TV
e tomando guaraná.
Aqui onde eu moro
tem pessoas muito más,
mas com outras
podemos conversar.
Quando eu chego em casa
só penso em computador,
o que eu gosto é de jogo
e isto é um horror.
Falo pra todos
que tenho um celular maneiro
mas, na verdade, o que tenho
é um celular antigo.
                                                      Gabriela – 15D

Talita – 15D


                  Minha casa

Minha casa é linda
Igual a uma margarida
Lá o beija-flor canta
E encanta!

Lá todos são inteligentes
E muito sorridentes.

Minha casa é navio pirata
Em alto mar
Estrela cadente
Para sempre no ar.

Minha casa é maluca
De velas soltas ao vento
Os sonhos são sua bússola
Os que moram dentro dela
Pensam estrelas e músicas.

                                 Talita – 15D

Maiara - 15 D


Minha casa

Minha casa é linda e cheirosa
E muito charmosa.
Os que passam por ela
Se encantam com sua beleza.
Minha casa é bela,
Parece da Cinderela.
Aqui todos têm igualdade
e muita solidariedade,
todos são inteligentes
e também sorridentes.

                        Maiara - 15 D

Sara Lima – 15D


Meu bairro

Meu bairro é muito bom,
Mas tem assaltantes de montão.
Meus vizinhos são muito legais,
Mas tem cachorros que latem demais.

A vida aqui é muito boa,
fora as briguinhas à-toa.
Tem gente ignorante
que se estressa em um instante,
mas tem gente boa
que não perde a paciência à-toa.

Tenho vários amigos
e muito poucos inimigos.
Tento ser legal
mas as vezes sou fatal.
Assim é meu bairro
esta mistura entre o bem e o mal

                                          Sara Lima – 15D

Sthefanie – 15D


Loteamento Dunas

Meu bairro querido
Cheio de alegria e tristeza,
Não és o mais seguro,
Mas és o melhor de se morar.

Temos chuva, sol e vento,
Brigas e tiroteio,
Mas a vizinhança é unida,
Todos se dão bem,
Onde não tem violência?

Eu moro no Loteamento Dunas
No bairro Areal, aqui tudo é legal.

Sou feliz assim e sempre estou
Por dentro do assunto da vizinhança
Sou a “repórter do bairro 24hs por dia”
E sempre com muita alegria.
Afinal a vizinhança é tranqüila
Mas, às vezes, tem seus barracos,
E a fofoca se espalha rápido...

Loteamento Dunas, Bairro Areal
Aqui tudo é legal!

                                            Sthefanie – 15D

Patrick – 15D


                         Minha cidade

A cidade que eu moro,
para mim é muito boa.
tudo que eu sei hoje,
aprendi morando aqui.

Tenho um pouco de talento
E um pouco de timidez,
Cada parte eu uso um pouco
Para mostrar para vocês.

Aqui aprendi a ler
E continuo na escola,
De manhã eu vou pra aula,
E tarde, jogo bola.

Vou falar de alguma coisa
Que nesta cidade tem
Conforme o momento
Eu participei também

No verão eu vou para a praia,
Para ver muitas belezas,
E volto pela charqueada
Chegando na Baronesa.

                                                 Patrick – 15D